sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Step

Há uns anos tive a brilhante ideia de levar alguns dos meus arquivos da licenciatura do sótão da minha mãe para casa. Claro que quando os quis arrumar de novo no sótão, o espaço já tinha sido ocupado com material importantíssimo (os sótãos estão sempre cheios de coisas importantíssimas das quais não sentimos a falta durante anos).

Agora, na casa nova, noutro acesso de brilhantismo, decidi arrumar o material da faculdade na parte superior dum roupeiro mas... sozinha! Era algo tão urgente que não podia esperar que o Pedro acordasse.
Assim, dossier a dossier lá fui subindo e descendo as escadas.
Acho que foi um acesso de culpa inconsciente por não fazer exercício físico e as pernas agradecem!

A few years ago I had the bright idea to bring some of university files of the attic of my mother home. Of course, when I tried to get back into, the attic space had been occupied with important material (attics are always full of important things which we do not feel the lack for years).

Now, in the new house, in another access of brilliance, I decided to get the material right at the top of a wardrobe but ... alone! It was something so urgent that it could not wait for Pedro to wake up.
So, file by file , I was up and down the stairs.
I think it was a fit of unconscious guilt for not doing exercise and my legs thank you!


  


2 comentários:

  1. Aqui há uns tempos joguei todos os meus dossiers e respectivas papeladas da licenciatura fora! Acabei o curso há 9 anos, entretanto fiz mestrado e doutoramento, e nunca, nem uma única vez, precisei dos dossiers... Fora com eles! Para a reciclagem, claro!

    ResponderEliminar
  2. Rita, obrigada por teres comentado!
    Pois, para isso é preciso coragem e mentalização, admiro-te! :) Pode ser que acabe por acontecer quando precisar do espaço... ainda ponderei digitalizar tudo mas era cá uma dose!

    ResponderEliminar